15/01/2016

 

phone2

 

Acho que uma das melhores maneiras de planejar uma viagem é organizar tudo com antecedência e usar a tecnologia a favor é uma ótima forma de ter certeza que tudo (ou quase) sairá perfeito.

Para quem adora viajar, utilizar aplicativos que facilitam a vida é algo muito prático. Não precisar carregar o peso dos guias, mapas e coisas afins, deixa a viagem bem mais interessante.

Fiz uma lista com os aplicativo que mais uso e que facilitam a vida na hora do sufoco ou quando queremos conhecer o melhor da cidade.

Vamos lá:

1) TripIt

Descobri na minha última viagem e como tinham muitas cidades e trechos voados, foi de grande ajuda. Com ele é possível checar o horário do voo e rastrear nossas reservas. Ele acessa as informações pelo email e cria um roteiro com os dados mais importantes sobre a viagem. Pode ser acessado offline e ainda podemos anexar documentos que utilizamos com mais freqüência na viagem.
Tem versão gratuita e paga. Disponível para iOS, Android e Blackberry.

2) Trip Advisor
Esse eu acho que todo mundo conhece, mas sempre vale a indicação. Mesmo sabendo que existem algumas opiniões tendenciosas, eu sempre acertei nas escolhas utilizando esse app. O Trip Advisor fornece dicas e indicação de roteiros, hotéis, restaurantes, passeios e mostra as avaliações de pessoas que já estiveram nesses lugares, classificando o local e escrevendo uma pequena resenha sobre. Vale a pena quando estamos em dúvida sobre o hotel (principalmente). Já escapei de algumas furadas graças a ele! O app é gratuito e está disponível para iOS e Android.

3) AirBnb
Para quem prefere se sentir em casa e não gosta muito de hotel, o AirBnb é ótimo para esse tipo de consumidor. Na Europa o número de usuários cresce exponencialmente. Acho que o mais interessante é que esse app permite que o usuário busque o lugar de preferência, baseado no seu perfil de viagem, desde casas enormes e requintadas, até flats e quartos mais econômicos. O pagamento é feito direto com o proprietário e qualquer mudança ou solicitação fica mais fácil, a partir desse contato direto. O app é gratuito e está disponível para iOS e Android.

4) Fieldtrip
Não consigo mais imaginar fazer uma viagem para várias cidades e carregar guias e mapas de todas elas. Este aplicativo é uma espécie de guia turístico. Só precisamos ativar o sistema de localização do Google, que o app indica os locais e eventos mais próximos, desde pontos turísticos até restaurantes e boates. É gratuito para iOS e Android.

5) Mundi
Além do Kayak (mais conhecido), o Mundi é uma outra alternativa para pesquisar preços de passagem aéreas e hotéis. A busca pode ser feita por preço, categoria ou avaliações de outros usuários. É gratuito mas apenas apenas para iOS.

6) Convertizo 3
Este aplicativo permite que o usuário faça conversão de moeda, temperatura, medidas, energia e outras funções. Super útil naqueles momentos que precisamos saber qual o tamanho do sapato ou o valor da moeda local. É gratuito para iOS e Android.

7) Packing Pro
Para os loucos das listas, esse é sensacional! Imagina um aplicativo que concentre todas as suas listas de viagem… Você já pode deixar preparada uma lista para sua mala de praia, montanha, viagem de fim de semana, viagem para esquiar e por aí vai.
O Packing Pro organiza tudo isso e também aquelas listinhas pré-viagem essenciais para que tudo saia perfeito. Só tem um probleminha: o app é pago e está disponível apenas para iOS.

8) Mtrip
Outro achado na última viagem! Para quem adora guias, esse app disponibiliza guias de várias cidades, com pontos turísticos, restaurantes, bares, eventos e hotéis, com suas devidas avaliações, preços e horários atualizados. E a melhor parte: podemos acessar todas as informações salvas, offline. Você consegue reunir as informações da viagem, criando um roteiro personalizado, de acordo com as suas preferencias. O MTrip não precisar ser pago para baixar, mas os guias de cada cidade precisam ser comprados para acessar. Ainda assim, vale o conforto de não precisar carregar mais o peso dos guias (livros). Está disponível para iOS e Android.

9) AllSubway
Sabem aquelas cidades em que andar de metrô é uma das atividades que mais fazemos quando estamos viajando? Então, esse aplicativo facilita bastante a vida quando precisamos ler o mapa da estação, decidir onde descer, ou fazer as baldeações. Nele podemos visualizar o mapa das cidades e usar as informações offline. Um adianto e tanto quando estamos confusos com o mapa. O app é pago e apenas para iOs.

10) Free Wi-fi
Achar uma conexão free quando estamos viajando é o sonho de consumo da maioria dos viajantes que conheço. Esse app te dá o caminho das pedras para encontrar redes gratuitas em varias cidades do mundo. No mapa da cidade ele mostra onde estão as conexões abertas mais perto e ainda te permite baixar dados para achar os hotspots offline. Não é demais? E também é gratuito para iOS e Android.

E aí? Alguém indica mais algum?


07/01/2016

BeaverWestin

 

Não há motivos para não conhecer Beaver Creek. Além do mais, a estação é linda, sofisticada e charmosa.

Pertinho de Vail, Beaver fica a 41km do aeroporto de Eagle (EGE), e cerca de 2h30 de distância de Denver (DEN). Dá para pegar um transfer ou alugar carro por ali mesmo.

Essa estação fica no meio do caminho entre Denver e Aspen, na famosa rodovia I-70.
Nós alugamos uma casa, mas a cidade oferece uma enorme variedade de hotéis, assim como bons restaurantes, pubs animados, cafés super charmosos, lojinhas acolhedoras e boates agitadas.

 

beavercreek

 

Beaver conta com 25 lifts que servem a 150 pistas para todos os níveis: 30 fáceis, 63 intermediárias e 57 difíceis.

A infra-estrutura não perde em nada para a estação mais próxima – Vail.

 

park-hyatt-beaver-creek-resort-spa-avon-colorado

 

São 3 vilarejos: Beaver Creek Village (onde ficamos), Bachelor Gulch e Arrowhead Village.

O vilarejo principal é Beaver Creek Village, onde ficam as lojas mais legais, restaurantes, cafés e galerias de arte mais badaladas da região. Mesmo no frio de – 8°C é uma delícia passear por ali, onde quase tudo é conectado por escadas rolantes e passarelas aquecidas.

 

Kids having fun at Beaver Creek

 

Outra dica legal é provar os cookies e o chocolate quente de um dos cafés do vilarejo. Imperdíveis!

Aliás, experimentar cookies faz parte da tradição local. É comum ver alguns chef’s oferecendo cookies em bandejas para os visitantes que passeiam por ali.

 

CO_BCchef

 

Quem quiser luxo e conforto para o après ski, a sugestão é se hospedar no The Osprey, eleito o melhor resort de inverno dos Estados Unidos pela Travel + Leisure.

 

VailResorts_BVC6911_Jack_Affleck_HighRes

 

Como nas outras estações mais badaladas, há ônibus que circulam gratuitamente dentro e fora de Beaver Creek, fazendo o percurso entre elas.

Sempre sugiro alugar um carro se você quiser mais liberdade para sair das estações, já que existem alguns Outlets na rodovia que valem à pena a parada.

 

Park Hyatt Beaver Creek

Dicas úteis:

  • Chegue cedo às pistas: normalmente as estações fecham às 17h e o tempo voa quando estamos lá em cima;
  • Confira suas fixações (regulagens e estado) antes de subir;
  • Não pare NUNCA no meio da pista;
  • Olhe para cima (é de lá que vem o perigo…) – se precisar parar porque se machucou, ou para socorrer alguém, finque os esquis (cruzados) ou o snowboard (de pé) na neve para sinalizar;
  • Mais cuidado no início do dia (gelo nas pistas + corpo frio) e no fim do dia (neve pesada + corpo cansado);
  • Muito cuidado nas áreas crowd: entrada de restaurantes e skilifts;
  • Nunca esqueça: na montanha, quem está mais abaixo tem SEMPRE a preferência;
  • Não faça “fora-de-pista” sozinho (nem uma “bandinha”), nem mesmo se conhecer o terreno em que vai descer (as pedras não têm coração);
  • Seja gentil com os haoles. Você já foi assim um dia, rs.

 

 

Fontes: Viajando a Dois, Point da Neve.


09/08/2014

arrabelle-at-vail-square

Quem disse que os restaurantes em Vail são todos caríssimos?

Esse post vai mostrar que é possível comer bem, sem pagar uma fortuna por isso!

Uma das melhores opções é a Blue Moose. Uma pizzaria deliciosa com vários sabores de pizza no cardápio.
A Blue Moose fica em Lionshead em frente a pista de patinação. O destaque são a Spring pizza (com alcachofra) e a Autumn pizza (com queijo de cabra e azeite trufado).

 

bluemoose

 

O Tavern on the Square é um restaurante lindo e considerado um dos melhores After Ski de Vail. Almoçar ou jantar por lá vale a pena não só pela gastronomia, mas também pelo espaço sempre animado e com boa música.

 

tavern

 

O Los Amigos fica em Vail Village e é um restaurante mexicano dos mais animados da montanha. Muita gente se reúne por ali para o After ski ou mais tarde, para um jantar mais descontraído.

 

los amigos

 

A Vendetta’s é outra pizzaria super bacana, mais chique que a primeira citada, mas ainda assim com preço super justo.

O lugar é grande e ideal para jantar depois de um dia nas pistas de ski.

 

vendettas

 

Para quem gosta de café ou chocolate, vale apena apostar no Yeti’s Grind! Um café pequeno e acolhedor, com uma variedade grande de sabores de cafés, chás e chocolates. Fica em Vail Village.
yetis2

 

Se você procura um After Ski de frente para a montanha, aposte no ChopHouse.
Um restaurante super badalado, com uma varanda grande de frente para a descida da pista de Lionshead.

A dica é pedir Ostras e Champagne.

 

champagne

 

E vocês? Alguma dica de restaurante legal em Vail?

 


01/11/2013

Bem vindos ao Vale do Café!

entrada fazenda uniao

 

Chegamos tarde na sexta feira, já tinha escurecido e não dava para ver, com tanta clareza, a beleza daquela estrada.

Mas pelo caminho vimos que deveria ser linda a luz do dia. E assim chegamos ao primeiro portão que nos leva a entrada da fazenda.

Parecia que tínhamos voltado no tempo, a história estava sendo contada ali na nossa frente.

sede fazenda uniao2

 

O Hotel fica em Rio das Flores, interior do estado do Rio de Janeiro. Fica situado na região do Vale do Café, um lugar histórico.

A casa principal é linda de dia, mas a noite tem um charme especial. As luzes, candelabros, velas… tudo parece mágico ali. Aquela coisa rústica chique.

sala de leitura

 

O jantar seria servido em poucos minutos. Além de linda, a sala de jantar tem um decoração colonial única. São milhares de pratos e serviços do século XIX. Móveis e objetos de arte compõe o ambiente que fazemos as refeições.

A luz é baixa, tem velas em lugares estratégicos e o clima é perfeito. O proprietário da fazenda no século passado foi Visconde do Rio Preto, e até hoje está preservada ali a sua história, memória e seu estilo na decoração.

 

300

 

A culinária é típica de uma fazenda mesmo: comida simples, saborosa e feita na hora. Tudo preparado no fogão a lenha, ótimos vinhos e sobremesas deliciosas.

Destaque para o doce de leite, pudim de café e o de côco!

 

fogao a lenha

 

No dia seguinte o café da manhã também agradou. Tudo fresco e feito com muito carinho. Logo depois, fomos conhecer a sede e “esbarramos” com o Mário, proprietário do hotel.

café da manha

 

cafe2

 

Tivemos uma aula de história ao vivo e a cores! Mário é um colecionador de antiguidades e encontrou um lugar especial para expor suas obras. Além de conhecer muito a história do lugar e daquele tempo, nos envolveu com sua simplicidade e hospitalidade.

 

prataria2

 

serviços2

 

O hotel tem 10 quartos na sede, outros tantos ao lado de fora e ainda estão sendo construídos mais alguns. Ao todo são 21 quartos. Os quartos da sede seguem o estilo de época… camas com dossel e biombo estilizados.

Os outros quarto tem decoração mais moderna e contou com o decorador carioca Chicô Gouveia para manter o estilo colonial da fazenda. Vale ressaltar que hotel preza pelo conforto dos hóspedes… os quartos tem cama king size, enxoval de algodão Egípcio, travesseiros e edredons de pluma de ganso, um luxo só!

Ficamos no Quarto do Rei, fora da sede, um quarto amplo, confortável e com uma hidro de fazer inveja em qualquer hotel moderno.

 

quarto rei

 

hidro

 

Na parte de fora, a piscina dá o tom de férias e descanso que procuramos. Fez um dia lindo e curtimos bastante essa parte da fazenda. Além da piscina principal, o hotel tem saunas, piscina aquecida, salão de jogos, um pequeno museu contando a história local e uma igrejinha linda!

 

Piscina

 

Assim que me deparei com aquela capela charmosa, já imaginei um casamento por ali. Segundo o proprietário, já aconteceu e foi lindo… posso imaginar!

Até fizeram um mini salão de beleza para a noiva e suas madrinhas se arrumarem. É muita dedicação em agradar!

igrejinha

 

Os funcionários são extremamente educados e eficientes, com destaque para a Janaína, gerente do hotel, que nos atendeu super bem e sempre que cruzava com a gente fazia questão de perguntar se precisávamos de alguma coisa!

 

chá

 

agua fresca

 

No sábado a noite tivemos uma linda apresentação de capoeira, costume dos escravos e conhecemos o Mestre Cid. Ficamos muito impressionados com a emoção que ele conta a história da sua vida e dos tempos no Vale do Café. Inesquecível!

A Fazenda União nos ganhou. Aprovamos e recomendamos aos casais que querem passar um fim de semana tranquilo, com conforto, boa comida e gentileza!

Esperamos voltar em breve!

 

 

Fazenda União

Estrada do Abarracamento km 3,5 | Abarracamento – Rio das Flores – RJ

+55 (24) 2491-1044

www.fazendauniao.com.br


23/08/2013

il pellicano7

 

Dica de restaurante na Toscana

Se você está de mala pronta para curtir o verão na Toscana, vale a pena levar essa dica.

O restaurante fica no Il Pellicano Resort, um hotel lindo, exclusivo e um pouco mais isolado que os outros. É um hotel 5*, com serviços personalizados e uma equipe de primeira.

A Travel & Leisure e Conde Nast frequentemente citam o restaurante e o hotel como um dos melhores do mundo.

 

il_pellicano

 

Como não podia deixar de ser, o restaurante oferece culinária mediterrânea. Ingredientes frescos, carnes finas, frutas e legumes orgânicos. A carta de vinhos é ótima.

Todos os dias eles apresentam um tipo de azeite extra virgem diferente. Os azeites são dos produtores da região, que fazem questão de dar todas as explicações de como foi feita a colheita, sobre o processo e claro, o resultado final.

O Chef Antonio Guida está constantemente desenvolvendo novos pratos e combinações diferentes para saciar os mais exigentes.

 

ilpelicano8

 

Em abril e outubro, o hotel oferece cursos de culinária, onde os hóspedes aprendem os segredos da culinária mediterrânea!

Durante o dia também é servido ali o lendário brunch do Il Pellicano. Maravilhoso!

 

Il_Pellicano2

 

Mas se tiver que escolher apenas uma refeição no local, sugerimos o jantar. Reserve uma mesa à luz de velas no terraço e prepare-se para uma noite inesquecível!

 


Página 1 de 3123
     

deiamonteiro


Andréa Monteiro

Carioca, empresária e apaixonada por viagens.




Parceiros

Novidades por Email

Entre com seu e-mail para ficar por dentro das novidades


Instagram Slider

Instagram Slider
Nothing to search for